O MR.BANINHA ADVERTE: "O Uso continuado deste blogue, causa histeria colectiva, dores no alto ventre, micoses várias, leves sintomas de Tourette, e uma incapacidade inexplicavel de pronunciar «Zingarelho» sem provocar tremuras no lábio superior..."

Uma História bonita, para meditar...

Em 1986, Peter Davies estava de férias no Kenia. Durante uma caminhada cruzou-se com um jovem elefante que estava com uma pata levantada. Peter aproximou-se muito cuidadosamente, pôs-se de joelhos, examinou a pata do elefante e encontrou um pedaço de madeira espetado. O mais cuidadosa e gentilmente possível, Peter removeu com a sua faca o pedaço de madeira e o elefante cuidadosamente colocou a pata no chão. O elefante virou-se e encarou-o por tensos e longos momentos. Peter ficou congelado pensando que seria pisado pelo animal. Depois de um certo tempo, o elefante fez um barulho bem alto com sua tromba, virou-se e foi-se embora. Peter nunca esqueceu o elefante e tudo o que aconteceu naquele dia. Cerca de 20 anos depois, Peter visitou o Zoológico de Chicago. Quando se aproximou da jaula dos elefantes, uma das criaturas virou-se e caminhou na sua direcção o grande elefante encarou Peter, levantando a sua pata do chão e baixando-a, repetindo este movimento varias vezes e emitindo sons altos enquanto encarava o homem. Relembrando o encontro em 1986 Peter reuniu toda sua coragem, escalou a grade e entrou na jaula.
Foi direito até ao elefante e encarou-o. O elefante emitiu outro som alto, enrolou a sua tromba na perna de Peter e mandou-o contra a parede matando-o. Provavelmente não era o mesmo elefante e ele fodeu-se...

Esta história é dedicada a todos aqueles que mandam aquelas histórias merdosas e cheias de finais felizes.

@Baninha
Enviar um comentário
OBRIGADO PELA VISITA, E SE GOSTOU, RECOMENDE.